5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos

5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos

Como em todas as relações, onde existem cachorros e humanos costumam haver mal-entendidos, embora alguns nos passem despercebidos. De fato, para evitar estes problemas com o seu fiel amigo terá que preparar-se para uma série de questões. Por exemplo, deverá saber como os cachorros pensam, quais são as suas necessidades mais básicas tanto físicas como mentais e saber também o que os costuma irritar.

Descubra neste artigo do Meu.dog 5 coisas que cachorros odeiam nos seres humanos e assim poderá melhorar a relação com seu cachorro.

5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos - socializar cães, pets, noticias pet, meu.dog, informação, dog, dicas pet, curiosidades, cuidados pet, convivencia, coisas que cães odeiam, cães, cachorros, bem estar animal, animais - dicas-para-cuidar-melhor-do-seu-pet, destaques, voce-sabia

1. Os ruídos e os cheiros fortes

O secador de cabelo, o aspirador, os carros, os foguetes, os espirros, uma tosse ou algo que nos cai das mãos e faz muito barulho, qualquer ruído forte incomoda e assusta os cachorros. é algo normal, visto que têm um ouvido excepcional que lhe permite ouvir sons que a nós nos escapam e além disso, também possuem uma percepção das vibrações muito mais sensível que a nossa. Evidentemente, existem cachorros que foram criados desde filhotes com ruídos fortes e se acostumaram a isso, portanto não se assustam, mas o certo é que a maioria deles tem medo e odeiam estes barulhos fortes.

O tema dos cheiros fortes também é algo delicado para os cães. Tal como o ouvido, o seu olfato é mil vezes mais potente que o dos humanos. Assim sendo, qualquer odor que a si lhe pareça forte para o seu cachorro será realmente desconfortável. É verdade que se se tratar do cheiro da comida não os incomoda tanto. Mas imagine os cheiros dos produtos químicos, de higiene pessoal e de limpeza da casa. São odores muito fortes que irritam as fossas nasais dos nossos peludos, por isso facilmente podem espirrar e fugir para outros lugares.

Devemos procurar não assustar o nosso cachorro com ruídos fortes sempre que o conseguirmos evitar ou tentar acostumá-lo a isso. Também há que evitar utilizar produtos com cheiros fortes na presença do nosso cachorro e ventilar bem a zona antes dele entrar nela.

5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos - socializar cães, pets, noticias pet, meu.dog, informação, dog, dicas pet, curiosidades, cuidados pet, convivencia, coisas que cães odeiam, cães, cachorros, bem estar animal, animais - dicas-para-cuidar-melhor-do-seu-pet, destaques, voce-sabia

2. Falar muito e não usar a nossa linguagem corporal

Muitas vezes falamos com o nosso cachorro e isso está bem, mas se o fizermos em excesso ou se enquanto falamos não utilizamos gestos e palavras curtas que o cão possa chegar a aprender e relacionar com alguma coisa, estamos apenas a chatear o nosso amigo. Ele não perceberá nada do que dissermos e no final acaba por ficar nervoso. Preferem que comunique com eles com a sua linguagem corporal e se usar palavras ou sons, o melhor é que sejam poucos para que eles os possa, aprender durante o treinamento e aprendizado desde filhotes.

É verdade que os cachorros entendem as emoções básicas dos humanos, mas fazem-nos através da linguagem corporal e do tom de voz que utilizamos. Definitivamente, não entendem a nossa linguagem verbal completa, apenas aquelas palavras básicas que lhes ensinamos. Portanto, se falarmos muito e não usarmos a linguagem corporal isso pode confundi-los. Devemos procurar aprender a falar com o nosso cachorro e a comunicar com ele com o nosso corpo. Faça um teste, passe um dia inteiro sem lhe dizer uma única palavra. Apenas gesticule, sem exagerar, e tente comunicar com ele através de linguagem gestual. Pode usar algum som, mas tente não dizer nenhuma palavra e verá que se conseguem comunicar perfeitamente e que o seu fiel amigo fica mais relaxado.

5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos - socializar cães, pets, noticias pet, meu.dog, informação, dog, dicas pet, curiosidades, cuidados pet, convivencia, coisas que cães odeiam, cães, cachorros, bem estar animal, animais - dicas-para-cuidar-melhor-do-seu-pet, destaques, voce-sabia

3. Nossa energia negativa e dar bronca sem que percebam porquê

Pode acontecer que quando estamos de mau humor ou nos chateamos com o nosso cachorro porque fez alguma asneira, que lhe transmitamos essa negatividade como faríamos com uma pessoa. Como já comentamos, os cães não entendem o que lhes gritamos e a maioria das vezes também não entendem porque o fazemos. Evidentemente é algo que os chateia muito, sentem-se mal, recebem energia negativa e não sabem porque isso acontece.

Temos que aprender a evitar erros comuns ao dar bronca a um cachorro. Um deles é fazê-lo sem que possa entender o porquê, visto já ter passado muito tempo e outro erro é ser agressivo. Existem formas muito mais eficazes que os farão entender-nos melhor.

5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos - socializar cães, pets, noticias pet, meu.dog, informação, dog, dicas pet, curiosidades, cuidados pet, convivencia, coisas que cães odeiam, cães, cachorros, bem estar animal, animais - dicas-para-cuidar-melhor-do-seu-pet, destaques, voce-sabia

4. Falta de estrutura

Os cães gostam de ter uma rotina, embora a possa variar para que não vire muito aborrecida, e gostam de ter uma estrutura, visto que se sentem mais seguros e tranquilos. Um cachorro desestruturado, sem um mínimo de adestramento básico, acabará sendo um cachorro pouco feliz, visto que terá inseguranças e mal-entendidos tanto com a família como com outros cachorros ou animais. É por isso que outra coisa que não lhes agrada é a falta de estruturana  sua família.

Esta estrutura e aprendizado devem cobrir vários aspetos, desde quem lidera o grupo até aos passeios e à comida, entre outras coisas. Para isso, será melhor que primeiro se instrua sobre o adequado adestramento para o seu cachorro.

5 coisas que os cães odeiam nos seres humanos - socializar cães, pets, noticias pet, meu.dog, informação, dog, dicas pet, curiosidades, cuidados pet, convivencia, coisas que cães odeiam, cães, cachorros, bem estar animal, animais - dicas-para-cuidar-melhor-do-seu-pet, destaques, voce-sabia

5. Olhá-los fixamente nos olhos, pegá-los na cara e dar-lhes palmadinhas na cabeça

Os cães realmente não gostam nada que os olhemos fixamente nos olhos. Se alguma vez o fez, deve ter notado que evitam o olhar quando o fazemos, mas talvez se tenha encontrado com um que aguenta mais o olhar e inclusivamente rosna. O contato visual prolongado para os cães equivale a desafio, por isso se afastam o olhar passam a ser submissos e por outro lado se o aguentam e o outro afasta, será ele o dominante. É perigoso fazer isto aos cães que não conhecemos, podem ficar agressivos. Uma coisa é que se cruzem os olhares, outra coisa é fixar o olhar. Assim sendo tente não manter o olhar fixo no cão.

Além disso, outra coisa que fazemos muitas vezes é pegar na cara deles e abanar e dar palmadinhas na cabeça. Isso é um erro, eles não gostam muito disso. Ao pegar a sua cara eles ficam bloqueados, sentem-se presos, lembre-se que é algo que eles não fazem. Os tapinhas na cabeça são desconfortáveis e inclusivamente podem fazer-lhes mal. Ao colocar a mão por cima deles, eles percebem isso como algo dominante, se além disso der uns tapinhas na cabeça eles ficam muito irrequietos. São gestos que para nós são normais, mas para eles têm um significado diferente, por isso devemos tentar não o fazer. Se quiser aproximar e saudar um cão, o melhor é que se aproxime um pouco de lado, sem o olhar fixamente e estendendo um pouco a mão permitindo que ele a cheire e o conheça, assim que o aceitar pode fazer um carinho.

 

 

 

Fonte: Perito Animal

Comentários

EnglishItalianPortugueseSpanish